segunda-feira, maio 28, 2012

Prova N2 - Fundamentos Teóricos e Práticos do Ensino de História

FUNDAMENTOS TEÓRICOS E PRÁTICOS DO ENSINO DE HISTÓRIA

1. NA ATUALIDADE,



  • diferentes formas de abordar e ensinar a História e a Geografia estão relacionadas com as modificações que essas disciplinas sofreram no decorrer dos séculos XIX e XX. Marque a alternativa que melhor apresenta o caminho percorrido por elas.

  •  Nas décadas de 1960 e 70, sob o domínio militar, e com o nome de Estudos Sociais, a História e a Geografia contribuíram para a elaboração do espírito nacionalista e do desenvolvimento de ideias de caráter moralizante e cívicas.
  •  As mudanças ocorridas na elaboração de novas teorias históricas são um fenômeno particular, inerente a essa disciplina, e em nada se relacionam com o momento e as mudanças sofridas pela Geografia, ainda que simultaneamente.
  •  Durante o século XIX, a partir da definição do que é habitualmente cosiderado alta cultura e refinamento, o estudo da História se definiu basicamente por compreender as obras sacras e a arte europeia.
  •  As abordagens de caráter marxista pouca influência tiveram na modificação de uma postura mais tradicional na elaboração no estudo da História e da Geografia que era oferecido aos nossos estudantes.

2. A AVALIAÇÃO DOS TRABALHOS REALIZADOS A PARTIR DA LEITURA E DO ESTUDO DOS MITOS DEVE SER FEITA:


  •  sem a intervenção dos professores, ou seja, apenas os alunos devem avaliar-se mutuamente, além de ser proposta uma autoavaliação para cada criança, que assim também aprende sobre suas responsabilidades.
  •  esporadicamente, sem nenhum tipo de registro mais organizado: as crianças devem se sentir livres para aprender o que quiserem e realizarem seus trabalhos da forma que acham mais interessante.
  •  de diversas maneiras: a partir das observações cotidianas do trabalho da criança, das suas produções escritas e participações orais, bem como a partir de exercícios de autoavaliação.
  •  a partir de provas que cobrem se o aluno decorou os conteúdos dos mitos e as informações sobre os respectivos povos, bem como, provas orais também devem ser realizadas.

3. É IMPORTANTE FAZER COM QUE AS CRIANÇAS PERCEBAM ALGUMAS RELAÇÕES SOBRE O FENÔMENO TEMPO:



  • algumas coisas do passado continuam vivas nos dias de hoje; outras, deixaram de existir. São as relações de permanência e de mudança que a escola trabalhará com as crianças. Para isso, é fundamental:

  •  que os professores mostrem às crianças que tudo o que ocorreu no passado são fatos que até podem ser lembrados (inclusive com saudade), mas não podem continuar a ocorrer nos dias de hoje, pois o mundo é movido pelas mudanças.
  •  que os trabalhos desenvolvidos juntamente com as crianças mostrem como o presente é melhor do que o passado – afinal, as mudanças são sempre positivas, e o mundo está muito melhor hoje em dia em relação ao que era antigamente.
  •  que o professor pense em formas de mostrar que algumas coisas permanecem como no passado e outras sofrem mudanças, para que as crianças não fiquem com a impressão de que tudo que aconteceu no passado não existe mais.
  •  que as crianças memorizem os conceitos de mudança e de permanência, mesmo que ainda não lhes seja possível compreender o seu significado, porque serão conceitos importantes e bastante úteis ao seu futuro.

4. LEIA:



  • Buscar a construção ou resgatar a identidade local tem sido uma preocupação para as mais diferentes comunidades espalhadas pelo mundo, talvez para que se possam evitar alguns erros do passado e organizar projetos para o futuro. Na escola, essa construção ou resgate torna-se um trabalho importante, pois:

  •  faz com que os professores possam conhecer melhor a história das crianças o que possibilita uma correta avaliação de suas atitudes na escola e isso resulta em um mais eficiente trabalho pedagógico a partir do devido acompanhamento.
  •  leva às crianças o conhecimento dos personagens locais importantes e a sua história como aquela a ser considerada como um símbolo para todos, eliminando a possibilidade de se reconhecerem enquanto agentes históricos.
  •  possibilita a construção de provas que levem as crianças a definirem uma sociedade como mais importante do que os outros a partir de dados comprobatórios e informações de variadas fontes resgatadas pela pesquisa.
  •  faz com que cada uma das crianças e demais pessoas da comunidade sintam-se inseridas na sociedade, por meio dos laços culturais e afetivos resgatados pela pesquisa e, por isso, respeitadas enquanto gentes históricos.

terça-feira, maio 22, 2012

N1 – Atenção a saúde infantil


Qual a importância da água para a saúde?

Segundo ministério da saúde, qual a diferença entre crescimento e desenvolvimento?

Quais os componentes essenciais para a implantação de uma escola que queria trabalhar promoção da saúde?

Explique como os resíduos são eliminados do nosso corpo.

sexta-feira, maio 11, 2012

Avaliação da Aprendizagem e a Organização do Currículo em Ciclos de Formação

Colaboração do colega: Marcos Pizzelli


Olá pessoal, fiz um resumo da minha aula, se alguém se interessar:
Avaliação da Aprendizagem e a Organização do Currículo em Ciclos de Formação
AULA 3 - MÓDULO - AVALIAÇÃO E CURRÍCULO

PROGRESSÃO CONTINUADA – PROMOÇÃO AUTOMÁTICA – CICLOS – SÉRIE
 
PROGRESSÃO CONTINUADA
- aluno é aprovado automaticamente mesmo sem ter aprendido nada.
- alunos com dificuldade de aprendizagem demandam atenção especial e um olhar apurado, o que deveria ser acompanhado por um professor mais experiente. O ideal nesse caso seria em pequenos grupos.
- traz em si o pressuposto da avaliação contínua, registrada e documentada. Em cada aluno o envolvimento diagnóstico, intervenção, avaliação e tomada de decisão para sua continuidade escolar. Exige trabalho escolar com o objetivo de desenvolvimento do aluno e para tomada de decisões quando isso parcialmente acontece ou não.
- busca respeitar as diferenças, e não puni-la ou estigmatizá-la.
- tenta superar a exclusão.
- oferece melhores condições culturais, como acesso a literatura, artigos científicos, artísticos e tecnológicos.
PROMOÇÃO AUTOMÁTICA
- política que extingue a repetência, visando à melhoria de índices estatísticos educacionais – melhoria de fluxo escolar, baixa reprovação, a redução de gastos financeiros e aumento de diplomação. Fatores que motivam investimentos financeiros internacionais no País.
- impulsiona para a transformação das práticas avaliativas, assim como cria a necessidade de se rever parâmetros e critérios de promoção.
- pode fazer da avaliação um espaço de reflexão crítica e participativa sobre o desenvolvimento dos alunos, assumindo um caráter dinamizador de mudança.
Promoção Automática e Progressão Continuada já foram tratadas como sinônimos, já que ambos têm como elemento central a eliminação da repetência e combate a exclusão escolar.
SISTEMA DE SÉRIE
- aluno faz cada série com seu conteúdo próprio. Tem um ano para assimilar o conteúdo, não o fazendo será retido na série, será reprovado.
- as provas são quantitativas (notas), com caráter classificatório.
- ano base é pré-requisito para o seguinte, precisa atingir um mínimo para ser aprovado ou não. Na reprovação o aluno terá que repetir todo o conteúdo da série, independente se sua dificuldade apresentada seja em uma única matéria, o que isso dá ao aluno um sentido de impotência e desmotivação diante da escola e seus procedimentos.
- tende a mostrar o fracasso do aluno, pois ele não aprende, não se esforça ou não se interessa.
DIFERENÇA ENTRE CICLO E SÉRIE – é a concepção do conhecimento, ensino, aprendizado, currículo. Na série existe a reprovação.
SISTEMA DE CICLOS
- mesmo conteúdo do sistema seriado, só que organizado em ciclos de estudo, onde cada aluno tem um tempo maior para se apoderar das aptidões específicas do mesmo.
- tem um período para evoluir nos conteúdos específicos, sem que seja preciso repetir o conteúdo de uma série. Em todos os ciclos o aluno poderá ser retido em qualquer etapa ou no final de cada ciclo por questões pedagógicas, o que não é aconselhável. - o tempo é maior para atingir as competências propostas.
- não é utilizada a avaliação quantitativa (notas), salvo ao final de cada ciclo, assim haveria menos repetência e evasão. A avaliação seria diagnóstica para nortear a didática que o professor deve empregar para suprir as necessidades do aluno e tem caráter progressivo. O aluno tem acompanhamento individual, sendo exigido o mínimo necessário. Exige acompanhamento, controle, intervenção e avaliação, muito mais acurada que no seriado.
- respeita as diferenças de aprendizagem dos alunos tornando-se indispensável informação e avaliações diárias precisas para o seu desenvolvimento, e o acompanhamento deve ser metódico e eficaz. Os resultados da aprendizagem do aluno são transferidos para a ação ou omissão da escola. Avaliar em ciclos é diferente do sistema seriado. Requer um sistema de avaliação que mostre a aprendizagem do aluno e informe suas condições de desenvolvimento e progressão. Seu caráter é processual e contínuo. A observação é constante para determinar as intervenções necessárias e que se enquadrem as condições de ensino. À medida que são revelados os sucessos ou fracassos dos alunos fica evidente a competência dos professores na condução do ensino.
- a avaliação da aprendizagem se articula com as condições de trabalho da escola e dos professores, com as atividades desenvolvidas nas aulas, com as intervenções propostas, com a qualidade das observações sobre os desempenhos e o desenvolvimento global dos alunos.
- os professores devem ter seus objetivos bem delineados, o que realmente quer é que seus alunos aprendam. Essa expectativa de aprendizagem, é que vai determinar os procedimentos a serem selecionados para o ensino, para as intervenções e seleção das formas e critérios de avaliação. Atingir os objetivos propostos é acompanhar o desempenho dos alunos, isto é, que aprendam e demonstrem o que aprenderam.
- supõe um currículo aberto que varia de escola para escola e de professor para professor, com avaliações mais espaçadas e frouxas.
- o ensino/aprendizagem tem a intenção de assegurar a totalidade dos alunos com sua permanência na escola, com um ensino de qualidade.
Elabore um texto em que você deverá defender a ideia de ciclos. Fundamente seus argumentos nos conceitos estudados na aula, relacionando-os ao texto de Ruth Rocha.
O aluno tem acompanhamento individual, intervenção e avaliação, muito mais acurada que no sistema seriado. A avaliação seria diagnóstica para nortear a didática que o professor deve empregar para suprir as necessidades do aluno e tem caráter progressivo. Não é utilizada a avaliação quantitativa (notas). Respeita as diferenças de aprendizagem dos alunos. Os resultados da aprendizagem do aluno são transferidos para a ação ou omissão da escola. Avaliar em ciclos é diferente do sistema seriado. Requer um sistema de avaliação que mostre a aprendizagem do aluno e informe suas condições de desenvolvimento e progressão. À medida que são revelados os sucessos ou fracassos dos alunos fica evidente a competência dos professores na condução do ensino. Os professores devem ter seus objetivos bem delineados. Essa expectativa de aprendizagem, é que vai determinar os procedimentos a serem selecionados para o ensino, para as intervenções e seleção das formas e critérios de avaliação. Supõe um currículo aberto que varia de escola para escola. O ensino/aprendizagem tem a intenção de assegurar a totalidade dos alunos com sua permanência na escola, com um ensino de qualidade.
 
Progressão Continuada e Promoção Automática são as mesmas coisas? O que as diferencia?
PROGRESSÃO CONTINUADA
- aluno é aprovado automaticamente mesmo sem ter aprendido nada.
- alunos com dificuldade de aprendizagem demandam atenção especial e um olhar apurado, o que deveria ser acompanhado por um professor mais experiente. O ideal nesse caso seria em pequenos grupos.
- traz em si o pressuposto da avaliação contínua, registrada e documentada. Em cada aluno o envolvimento diagnóstico, intervenção, avaliação e tomada de decisão para sua continuidade escolar. Exige trabalho escolar com o objetivo de desenvolvimento do aluno e para tomada de decisões quando isso parcialmente acontece ou não.
- busca respeitar as diferenças, e não puni-la ou estigmatizá-la.
- tenta superar a exclusão.
- oferece melhores condições culturais, como acesso a literatura, artigos científicos, artísticos e tecnológicos.
 
No regime de progressão continuada, a reprovação não deve acontecer. Não porque deva haver um relaxamento ou facilitação no processo de avaliação. Ao contrário, a avaliação como parte da proposta pedagógica da escola estará acontecendo em todos os momentos do trabalho pedagógico, como uma das formas de reconhecimento dos diferentes ritmos e necessidades dos alunos, bem como dos objetivos de cada ciclo, para garantir uma verdadeira progressão continuada. Ela não elimina a avaliação, ao contrário, ela inscreve-se numa proposta pedagógica que tem como um de seus princípios os respeito pelo desenvolvimento do ser humano, que não corresponde ao tempo cronológico e administrativo usualmente adotado pelas escolas. A progressão continuada propõe que se faça o acompanhamento passo a passo do aluno, avaliação e organização de situações didáticas que assegurem o seu desenvolvimento.
PROMOÇÃO AUTOMÁTICA
- política que extingue a repetência, visando à melhoria de índices estatísticos educacionais – melhoria de fluxo escolar, baixa reprovação, a redução de gastos financeiros e aumento de diplomação. Fatores que motivam investimentos financeiros internacionais no País.
- impulsiona para a transformação das práticas avaliativas, assim como cria a necessidade de se rever parâmetros e critérios de promoção.
- pode fazer da avaliação um espaço de reflexão crítica e participativa sobre o desenvolvimento dos alunos, assumindo um caráter dinamizador de mudança.
Promoção Automática (combate a exclusão escolar) e Progressão Continuada já foram tratadas como sinônimos, já que ambos têm como elemento central a eliminação da repetência.
Progressão Continuada pressupõe desenvolvimento em ritmos e tempos diferentes, avaliados continuamente e com propostas de diagnósticos para o estabelecimento das intervenções adequadas, o que não significa promover todos os alunos sem um acompanhamento sério e rigoroso.
Quer dizer que o papel do professor é importantíssimo nessa fase, onde a Pedagogia invisível se faz presente em todos os momentos.
 
 
A organização em ciclos pode revelar mais as incompetências da escola do que a organização tradicional seriada?
SISTEMA DE CICLOS
- respeita as diferenças de aprendizagem dos alunos tornando-se indispensável informações e avaliações diárias precisas para o seu desenvolvimento, e o acompanhamento deve ser metódico e eficaz. Os resultados da aprendizagem do aluno são transferidos para a ação ou omissão da escola. Avaliar em ciclos é diferente do sistema seriado. Requer um sistema de avaliação que mostre a aprendizagem do aluno e informe suas condições de desenvolvimento e progressão. Seu caráter é processual e contínuo. A observação é constante para determinar as intervenções necessárias e que se enquadrem as condições de ensino. À medida que são revelados os sucessos ou fracassos dos alunos fica evidente a competência dos professores na condução do ensino.
 
Os ciclos podem amenizar essa exclusão e seletividade e manter a qualidade do ensino?
- não é utilizada a avaliação quantitativa (notas), salvo ao final de cada ciclo, assim haveria menos repetência e evasão. A avaliação seria diagnóstica para nortear a didática que o professor deve empregar para suprir as necessidades do aluno e tem caráter progressivo. O aluno tem acompanhamento individual, sendo exigido o mínimo necessário. Exige acompanhamento, controle, intervenção e avaliação, muito mais acurada que no seriado.
 
Em que os ciclos podem contribuir para a modificação de modelos seletivos de avaliação?
- a avaliação da aprendizagem se articula com as condições de trabalho da escola e dos professores, com as atividades desenvolvidas nas aulas, com as intervenções propostas, com a qualidade das observações sobre os desempenhos e o desenvolvimento global dos alunos.
- os professores devem ter seus objetivos bem delineados, o que realmente quer é que seus alunos aprendam. Essa expectativa de aprendizagem, é que vai determinar os procedimentos a serem selecionados para o ensino, para as intervenções e seleção das formas e critérios de avaliação. Atingir os objetivos propostos é acompanhar o desempenho dos alunos, isto é, que aprendam e demonstrem o que aprenderam.
- o ensino/aprendizagem tem a intenção de assegurar a totalidade dos alunos com sua permanência na escola, com um ensino de qualidade.
Os ciclos são uma tentativa de regularizar o fluxo dos alunos ao longo dos anos na escola, superando o fracasso escolar das altas taxas de aprovação. A ideia é fazer com que os estudantes tenham acesso ao ensino sem interrupções ou repetências que criem desânimo ou prejudiquem o aprendizado.
 
A)      Progressão continuada e promoção automática são as mesmas coisas? O que as diferencia?
Progressão continuada procura acompanhar o desenvolvimento de cada aluno em sua escolarização o aluno sempre aprende no decorrer de sua vida fato que não é considerado no sistema de seriação. A promoção automática não envolve a questão da avaliação contínua e a recuperação paralela aplicadas na progressão continuada simplesmente promove o aluno para o ano seguinte.
Existe uma afirmação que eu considero maldosa nesse sentido em que “a progressão contínua é aprovação automática” o que diferencia uma coisa de outra é a sua implementação na escola, se houver um acompanhamento por pela equipe escolar do desempenho de cada aluno em suas atividades diárias e diagnósticos e ações que visam o pleno desenvolvimento do discente.
B)      A organização em ciclos pode revelar mais as incompetências da escola do que a organização tradicional seriada?
A organização seriada joga o problema “por debaixo do tapete” exclui o aluno que não acompanha para fora da escola por meio de repetências contínuas. A organização em ciclos inclui o aluno e ao resultado no final do ciclo temos o resultado do progresso de cada aluno que fica evidente e após aos resultados vem as indagações o que foi feito durante o ciclo em relação ao aprendizado do aluno, logo para responder estas perguntas o registro é fundamental, tendo um histórico do que sabia este aluno e o quanto ele aprendeu durante a sua escolarização.
C)      Os ciclos podem amenizar essa exclusão e seletividade e manter a qualidade da aprendizagem?
Os ciclos são integradores e para funcionar adequadamente é necessário a colaboração dos envolvidos no processo, ao aluno a responsabilidade em aprender e ensinar e ao professor sensibilidade sobre a sua prática em sala de aula e estimular os estudos e trabalhos coletivos e individuais.
D)      Em que os ciclos podem contribuir para a modificação de modelos seletivos de avaliação?
Os ciclos valorizam o trabalho diário em sala de aula os modelos seletivos tradicionais de avaliação apenas se os alunos estão adestrados conforme as orientações do professor, mas isso já está mudando, pois temos processos seletivos que envolve várias avaliações, dentre elas a entrevista, dinâmica de grupo, teste prático, prova objetiva, prova discursiva, entrega de títulos acadêmicos, vagas para portadores de necessidades especiais entre outros. Existe também o contrato de experiência quem tem carteira de trabalho assinada sabe o que eu estou falando e também o período probatório normalmente de três anos para os funcionários públicos.
 

quinta-feira, maio 10, 2012

ProvaN2 -Dimensões da Não Aprendizagem


1. DE ACORDO COM SACRISTAN, UM DOS PROBLEMAS DA ORGANIZAÇÃO CURRICULAR, QUE IMPEDEM A PEDAGOGIA PARA A DIVERSIDADE, É:
 ·        o despreparo dos professores.
·        a falta de flexibilidade.(correta)
·        a violência e a agressividade dos alunos.
·        o salário dos professores.

2. SÃO POSSÍVEIS INDICADORES DE DISLEXIA:

 ·        falta de criatividade e tendência a esquecer eventos passados.
·        dificuldade para dormir e focalizar a atenção na aula.
·        dificuldade em manifestar afeto de relacionamento interpessoal.
·        dificuldade em aprender o alfabeto, as tabuadas e seqüências como meses e ano.

3. A LATERALIDADE É UM DOS ELEMENTOS DO DESENVOLVIMENTO PSICOMOTOR QUE SE CARACTERIZA COMO SENDO:

 ·        a capacidade da criança de se equilibrar no espaço.
·        o conhecimento pela criança do lado esquerdo e do direito em relação ao próprio corpo e aos objetos.
·        a capacidade de se orientar no espaço e de perceber onde estão os objetos, uns com relação aos outros.
·        a dominância de um lado do corpo em relação a outro, levando-se em conta a força e a precisão.

4. LEIA ABAIXO:

 
·       Uma criança que apresenta dificuldade em compreender os termos espaciais (dentro, fora, perto, longe, em cima, embaixo), pode estar apresentando uma perturbação:

·        da lateralidade.
·        do equilíbrio.
·        da sensibilidade.
·        da estrutura espacial.

Prova N2 - Fundamentos Teorícos e Práticos do Ensino de Ciências

FUNDAMENTOS TEÓRICOS E PRÁTICOS DO ENSINO DE CIÊNCIAS
Parte superior do formulário
1. Sobre o deslocamento de nosso planeta Terra pelo espaço sideral, podemos dizer que
  • a translação, também denominada revolução, gera a noção de dia e noite.
  • a Terra gira ao redor de si mesma, enquanto o Sol gira ao seu redor.
  • a Terra, além de girar em torno de si, também realiza um movimento em torno do Sol.
  • o movimento de rotação provoca as sensações de estações anuais.
Parte inferior do formulário
Parte superior do formulário
2. Assinale a alternativa que mostra a etapa da explicação durante uma atividade realizada através dos ciclos.
  • Os alunos buscam, através de pesquisas, informações que indicam as etapas pelas quais seu material de estudo está passando.
  • A partir da observação os alunos e o professor interagem sobre o material trazido em sala de aula.
  • Os alunos analisam, com o auxílio do professor, os resultados das observações, tentando interpretá-los.
  • Através do trabalho coletivo, os alunos construíram o local necessário para analisarem seu material e suas fases.
Parte inferior do formulário
Parte superior do formulário
3. Sobre a relação entre o aluno, o professor e a construção do conhecimento é correto afirmar que
  • as regras têm o objetivo de possibilitar o desenvolvimento da busca pelo conhecimento no processo de ensino-aprendizagem.
  • o conhecimento se inicia quando o aluno passa a frequentar a escola, participando da construção do conhecimento.
  • na pedagogia direcional, acredita-se que tudo que o aluno constrói o auxiliará na construção de novos conhecimentos.
  • a figura autoritária do professor ajuda no aprendizado dos alunos por manter a tranquilidade durante a prática docente.
Parte inferior do formulário
Parte superior do formulário
4. O conhecimento científico

  • é habitualmente obscuro e pouco preciso.
  • é dogmático justamente porque reconhece ser infalível.
  • é comunicável graças à exatidão e à clareza com que é formulado.
  • registra os fatos, fixa-se neles e pouco procura explicá-los ou estabelecer relações com outros fatos.
1. Assinale a alternativa que mostra a etapa da explicação durante uma atividade realizada através dos ciclos.

  • A partir da observação os alunos e o professor interagem sobre o material trazido em sala de aula.
  • Através do trabalho coletivo, os alunos construíram o local necessário para analisarem seu material e suas fases.
  • Os alunos buscam, através de pesquisas, informações que indicam as etapas pelas quais seu material de estudo está passando.
  • Os alunos analisam, com o auxílio do professor, os resultados das observações, tentando interpretá-los.
Parte inferior do formulário
Parte superior do formulário
2. Leia abaixo:


  • "A importância da experiência na aquisição do conhecimento é enfaticamente definida por Dewey (1959) na medida em que ele afirma que todo conhecimento provém da experiência e essa experiência ensina-nos que tudo muda, que nada há de estável no domínio da matéria e no domínio dos espíritos." Sobre os princípios de Dewey, é correto afirmar que
 o homem só começa a pensar quando se encontra frente às facilidades.
o ato de pensar segue os seguintes princípios: percepção e definição do problema; sugestões de possíveis soluções; comprovação e aceitação das hipóteses.
a aprendizagem tem como ponto de partida uma dificuldade que sempre é superada.
a ideia não é uma função elaborada pela experiência ativa nem está a serviço dessa experiência.
Parte inferior do formulário
Parte superior do formulário
3. As máquinas simples são exemplos de equipamentos que

  • utilizam a força humana para complementar seu efeito.
  • baseiam-se no fundamento de reserva energética e do princípio da comodidade humana.
  • precisam ser aperfeiçoados para serem empregados em benefício humano.
  • produzem economia de energia humana, já que transmitem ou modificam o emprego de sua força.
Parte inferior do formulário
Parte superior do formulário
4. Assinale com a letra V as afirmativas verdadeiras e com a letra F as falsas.


  • ( ) A extinção de espécies decorre unicamente da captura das plantas e dos animais.
    ( ) A introdução de plantas e animais originários de outros ecossistemas compromete a manutenção da biodiversidade.
    ( ) A perda da biodiversidade se deve ao baixo valor econômico a ela atribuído.
    ( ) A biodiversidade brasileira é uma das mais privilegiadas e pirateadas do mundo.

    A ordem correta de preenchimento dos parênteses acima é:

  • V, F, F, F
  • F, V, V, V
  • V, F, V, F
  • F, V, F, V

Prova N2 - Intervenção e Aprendizagem: Adolescente


1. HÁ ALGUNS ASPECTOS SOCIAIS QUE INFLUENCIAM NA ESCOLHA PROFISSIONAL DOS JOVENS DE HOJE. SOBRE ESSA QUESTÃO, É CORRETO AFIRMAR QUE:

  • I. a história de cada jovem vai determinar como as influências externas se manifestam na vida de cada um.
    II. hoje os adolescentes preocupam-se principalmente em escolher uma profissão que poderá trazer-lhe sucesso profissional.
    III. nossa sociedade se responsabiliza pelas escolhas de cada um dos indivíduos.

    Assinale qual a opção que contém as afirmativas corretas.
 Somente a II está correta.
Somente I e III estão corretas.
Somente II e III estão corretas.
Somente I e II estão corretas.

2. NO PERÍODO DA ADOLESCÊNCIA, DENTRE OS PRINCIPAIS ACONTECIMENTOS QUE FAV

  • o conhecimento dos próprios limites.
  • as alterações emocionais.
  • a busca contínua por novos desafios.
  • a capacidade de planejamento e tomada de decisões.

3. SOBRE A VIOLÊNCIA, PODEMOS AFIRMAR QUE:

  • infelizmente, ainda há poucos índices sobre a violência praticada contra jovens. (correta)
  • felizmente, algumas instituições sempre são protetoras da sociedade, tais como a escola e a família, em que a violência absolutamente não ocorre.
  • nunca pode ocorrer contra si próprio.
  • dentre as formas de violência familiar podemos destacar os suicídios, os óbitos por acidentes de transporte e os homicídios.

4. AS AMIZADES, MUITO IMPORTANTE NA FASE DA ADOLESCÊNCIA, CONTRIBUEM PARA O DESENVOLVIMENTO DO JOVEM PORQUE:

  • incentivam o maior contato do jovem com a família.
  • apóiam seu comportamento rebelde e suas transgressões.
  • influenciam apenas no modo de vestir do indivíduo.
  • possibilitam o compartilhamento dos mesmos interesses, gostos, idéias crenças e atitudes.

Prova N2 - Educação, Corpo e Movimento


1. QUANTO AO TEMA PLURALIDADE CULTURAL E OS CONTEÚDOS DE EDUCAÇÃO FÍSICA, TEMOS COMO EXEMPLO E COMO PONTO DE REFLEXÃO:

  • as ginásticas de competição praticadas de forma individual.
  • as danças regionais e o respeito à diversidade de expressão.
  • as lutas pessoais e as diferenças entre o campo e as cidades.
  • os jogos individuais e coletivos; e a utilização dos materiais.
Parte inferior do formulário
Parte superior do formulário
2. SOBRE OS PRINCÍPIOS DA EDUCAÇÃO FÍSICA, LEIA AS AFIRMAÇÕES ABAIXO.


  • I. Os princípios dos estímulos relacionam-se à intensidade na qual as atividades físicas propostas atuam.
    II. O princípio de adaptação dos órgãos às peculiaridades de sua atividade relaciona-se à intensidade da atividade física.
    III. O princípio cinestésico de movimento relaciona-se à necessidade de atividade.

    Agora, assinale a alternativa correta.

  • As afirmativas I e II estão corretas.
  • Somente a afirmativa I está correta.
  • Somente a afirmativa II está correta.
  • As afirmativas I e III estão corretas.
Parte inferior do formulário
Parte superior do formulário
3. UM DOS PRINCÍPIOS DA EDUCAÇÃO FÍSICA É O DA UNIDADE FUNCIONAL. SOBRE ISTO, É CORRETO AFIRMAR QUE:

  • é a partir desse princípio que se conceitua atividade física. (correta)
  • pode ser expresso na frase “a função faz o órgão”.
  • é relacionado à necessidade de atividade.
  • elaciona-se à capacidade dos sentidos.
Parte inferior do formulário
Parte superior do formulário
4. A MÚSICA É UM RECURSO INTERESSANTE, POIS:

  • está relacionada a processos cognitivos.
  • possibilita que a criança trabalhe a coordenação motora fina.
  • possibilita que a criança tenha contato com diversos ritmos, auxiliando dessa forma o desenvolvimento motor.
  • possibilita que a criança tenha contato com outros materiais e perceba a importância de ter cuidado com os objetos dos amigos.

Postagem em destaque

Entre em contato e peça um orçamento!.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...